Curta o carnaval e não tenha surpresas desagradáveis depois

Bom dia meninas! É carnaval, tempo de festa e folia, mas com saúde não se brinca. Por isso, não se descuide. A conscientização da importância do sexo seguro é o primeiro passo para a prevenção.   Há diversas doenças sexualmente transmissíveis, as chamadas DSTs. Confira as mais comuns:

– Sífilis, causada pela bactéria Treponema pallidum, a doença apresenta os seguintes estágios: primário, secundário, latente e terciário.  Alguns sintomas são: úlcera única indolores (cancro) que pode evoluir para lesões em pele e por fim tumorações amolecidas na pele e mucosas (goma sifilítica). Esses incômodos podem desaparecer, dando uma falsa impressão de cura. Não hesite, procure um médico. Os sintomas podem voltar piores e até levar a óbito. Há vários tipos de exames que podem detectar a sífilis e o tratamento é simples e eficaz.

– Gonorreia, essa infecção pode ser transmitida por contato oral, vaginal ou anal. Causada pela bactéria Neisseria gonorrhoeae ou gonococo, a doença pode ser assintomática, mas quando os sintomas aparecem, são característicos. A mulher pode sentir dor e ardência ao urinar, ter sangramento fora do período menstrual, corrimento amarelo e com odor desagradável e dores abdominais.

– HPV, papilomavírus humano, responsável pelo aparecimento de verrugas na pele e nas regiões genitais. O tratamento é fundamental. A doença é principal causa do desenvolvimento do câncer de colo de útero e de garganta.

– Aids, esse vírus ataca o sistema imunológico. Os primeiros sintomas são: gripe, febre, dor de garganta, tosse e mal-estar. Geralmente, a manifestação ocorre de 3 a 6 semanas após a contaminação. Esses sintomas podem ser facilmente confundidos com outras doenças. O teste do HIV deve ser realizado entre 40 e 60 dias depois do comportamento de risco (sexo sem preservativo ou partilhar seringas).

– Clamídia, silenciosa e muito comum, os principais sinais são: sensação de ardência ao urinar, corrimento vaginal, dor abdominal e durante a relação sexual.Saiba mais.

Herpes genital, caracterizado por pequenas bolhas nos órgãos genitais. As lesões causam ardor, coceira e formigamento. Além disso, a pessoa infectada pode apresentar febre, mal-estar e dores pelo corpo.

Portanto, previnam-se! Bom carnaval!

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado.

0 Comentários