Alterações anatômicas do útero podem dificultar a gravidez

O útero tem geralmente a forma de uma pera invertida – é mais largo em cima e mais estreito na parte inferior, no chamado colo do útero. Porém, algumas mulheres apresentam malformações anatômicas no útero que podem inviabilizar ou dificultar a gestação.

O tipo mais comum dessas anomalias é o Útero Bicorno. Nesse caso, existe uma divisão no meio do útero, que adquire um formato similar ao de um coração. Além de dificultar a implantação do embrião, esse tipo de útero aumenta as chances de parto prematuro.

Outra alteração é o útero septado, isto é, presença de uma "parede" dentro da cavidade do útero. Este tipo de problema causa dificuldade de implantação do embrião e abortamentos de repetição, o tratamento neste caso é cirúrgico com a retirada do septo.

 

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado.

0 Comentários