Últimas do Blog

o-ENDOMETRIOSIS-facebook.jpg endometriose No mundo, uma em cada dez mulheres tem endometriose Bom dia, meninas! Só quem tem, sabe o quanto a endometriose é debilitante e pode causar períodos extremamente dolorosos. No mundo, uma em cada dez mulheres sofre com a doença. O mais alarmante é que, em média, a descoberta da endometriose pode levar até oito anos. Grande parte dos diagnósticos são feitos depois que a paciente já passou por muito sofrimento, por volta dos 30 a 35 anos. Por isso, é tão importante divulgar informações sobre a endometriose e debater o assunto. A quantidade de desconforto e de sintomas nem sempre corresponde ao volume do foco da doença. A paciente pode apresentar diversos sintomas…Continuar Lendo
candidíase grande.png obstetricia Aprenda a prevenir a infecção urinária durante a gravidez Durante a gestação, a mulher fica mais suscetível a infecções no trato urinário. No post de hoje vou falar mais sobre esse assunto. Infecção urinária é o nome genérico que se dá para a presença de infecção em qualquer uma das estruturas do trato urinário, desde os rins até a bexiga, quando recebe o nome de cistite. É uma doença muito comum em mulheres entre 20 e 50 anos e pode ou não apresentar sintomas. Durante a gravidez vários fatores tornam a mulher mais propensa a adquirir esse problema. O aumento da produção hormonal comum da gestação causa a dilatação…Continuar Lendo
dispareunia.jpg ginecologia Dispareunia: não é normal sentir dor durante a relação sexual Bom dia, meninas. Hoje vou falar sobre um assunto que incomoda muitas mulheres com endometriose, a dor durante a relação sexual. A dispareunia é caracterizada pela dor constante durante a atividade sexual. Essa patologia é um dos principais sintomas da endometriose, isso porque focos de endometriose se acumulam no colo do útero e incomodam a mulher durante a relação. A maioria das pacientes com a doença relata sentir mais dor durante a penetração profunda. Além da endometriose, outras doenças ginecológicas podem causar essa disfunção, principalmente no caso de infecções e doenças sexualmente transmissíveis. A dor pode ocorrer durante e após…Continuar Lendo
mulher exercício físico excesso.jpg ginecologia O impacto do exercício físico sobre o ciclo menstrual A atividade física é uma aliada importante na prevenção de doenças e na saúde feminina. Porém, quando realizada em excesso, essa prática pode causar alterações no ciclo menstrual de uma mulher. É sobre isso que vou falar hoje aqui no Blog. Feito de forma moderada, regularmente e com acompanhamento médico, o exercício físico pode contribuir para o alívio das cólicas menstruais e de alguns sintomas da TPM. Por outro lado, exercício físico em excesso ou mesmo um treino mais pesado do que o corpo está acostumado pode causar um desequilíbrio no sistema endócrino, prejudicando a liberação de hormônios que estimulam…Continuar Lendo
melasma.jpeg obstetricia Saiba como combater o melasma Durante a gravidez, o corpo feminino passa por diversas mudanças, muitas delas relacionadas à grande quantidade de alterações hormonais que atinge a grávida nesse período. Uma das principais reclamações das mulheres na gestação é a formação de melasmas. No post de hoje eu falo mais sobre esse assunto. Confira! Melasma é o nome dado para o agravamento ou surgimento de pequenas manchas marrons na pele. Estudos comprovam a relação direta dos hormônios femininos com a pigmentação da derme, o que favorece o aparecimento das lesões. A diferença é que, se por um lado, o problema pode surgir pela primeira vez…Continuar Lendo
mulher em trabalho de parto.jpeg obstetricia Sinais e sintomas do trabalho de parto Olá. Muitas grávidas me perguntam como saber se estão entrando em trabalho de parto. É sobre isso que eu vou falar no post de hoje. Geralmente, os primeiros sinais de trabalho de parto começam a aparecer após a trigésima sétima semana de gestação. Antes disso, a paciente corre o risco de parto prematuro, que pode trazer riscos para ela e para o bebê.Os principais sinais de que o trabalho de parto está começando são: - A perda do tampão mucoso; O primeiro sinal de que o trabalho de parto começará em breve é a perda do Tampão Mucoso. É uma…Continuar Lendo
Infertilidade.jpg fertilidade Infertilidade secundária: por que eu não consigo engravidar novamente? Olá. Vocês já ouviram falar de infertilidade secundária? O post de hoje é sobre isso. Chama-se infertilidade secundária quando um casal apresenta dificuldade de concepção após já ter tido um ou mais filhos. Ter engravidado com facilidade na primeira vez não significa necessariamente que o casal terá facilidade em uma nova tentativa.   A dificuldade para a segunda concepção tem causas muito semelhantes à infertilidade primária: idade, alterações hormonais, endometriose, problemas na tireoide, alterações anatômicas no útero (cicatrizes e aderências, por exemplo), alguma obstrução nas trompas e a formação de miomas uterinos. Um problema que já existia pode ter sido…Continuar Lendo
grávida 2.jpg obstetricia Dicas e cuidados na gravidez após 35 anos Olá. O post de hoje é especialmente para aquelas mulheres que engravidaram, ou pretendem engravidar tardiamente. Segundo o IBGE, cerca de 20% das mulheres decidem ser mães após a terceira década de vida. Apesar desse alto índice, a gestação após os 35 anos é considerada de risco pela maior parte dos médicos. A partir dessa idade a mulher está mais sujeita a gerar um filho com Síndrome de Down ou com outras alterações genéticas, além dos riscos de abortamento e quadros de pré-eclâmpsia e diabetes gestacional, que podem levar a um parto prematuro. Em casos de procedimentos de fertilização assistida,…Continuar Lendo

Vídeos

AGENDE SUA CONSULTA

Nome:

E-mail:

Telefone:

Celular:

Captcha